26 de janeiro de 2012

Resenha: ‘A Chave do seu Coração’ de Mauro Barbosa Gomes

Envenenadas e envenenados,
Estou de volta para falar, ainda que rapidamente, de um livro que li esta semana.
Chama-se “A Chave do seu Coração”.
Trata-se de um livro de crônicas do cotidiano e é bem escrito e desenvolvido pelo autor, Mauro Barbosa Gomes.
 
A chave
 
A Chave do seu Coração
Autor: Mauro Barbosa GomesEditora: Multifoco
Acabamento: Brochura
Edição: 1 / 2011
Gênero: Contos
Número de Páginas: 98
 
Sinopse:
A princípio aquilo parecia se tratar da dor de amor não correspondido, coisa natural no universo humano. Tristeza, inconformismo até chegar à revolta: contra Deus. E a partir de um pedido feito e atendido, o coração, então partido, descobre um leque de possibilidades. Assim se resume a crônica que dá título à obra “A Chave do seu Coração”.

 

 
O livro traz histórias e reflexões sobre pessoas próximas ou anônimas, reais ou imaginárias.
O dia a dia da nossa gente se faz presente através de crônicas que contam as ansiedades e preocupações do nosso tempo. Nas conversas entre passageiro e taxista, a dificuldade de lidar com o significado por vezes sisudo da palavra ‘não’, a exaltação de valores esquecidos, o gozo de frases leves e envolventes lidas ao acaso, os contratempos das tão desejadas férias, as intermináveis brigas entre os casais, Mauro Barbosa mistura lirismo e humor, garantindo a melhor literatura.
Tratar de situações que abordam o cotidiano, nem sempre é tarefa fácil. Elas precisam ser divertidas, leves e algumas vezes de cunho fantástico, tal qual a história que dá título a esta obra. Devem falar de temas sempre atuais, como amor, relacionamentos, comportamento e amizade. Isso sem deixar de lado a incansável disputa entre os sexos. Então, recomendo a vocês um livro com algumas dessas histórias. Certamente elas irão te conduzir, com simplicidade, ao riso e à reflexão. Afinal, estamos lidando com sentimentos e suas inúmeras reações diante das circunstâncias da vida.
A essência de “A Chave do seu coração” é fazer com que o leitor se identifique com os assuntos propostos, inclusive aqueles onde não se encontram os elementos da chamada realidade. Entretanto, o real é somente aquilo que vemos ou comprovamos pela ciência? No final das contas, as histórias se tornam factíveis, pois fazem parte dos sonhos que trazemos desde a infância. E todo sonho que se preze, pode sair do imaginário e ganhar vida própria. É disso que estamos falando.
Mauro Barbosa nasceu no Rio de Janeiro, em 1959, e trabalha na área de Informática há três décadas. A vocação literária chegou de forma inesperada, quando aos oito anos venceu o concurso de redação realizado pela escola pública. Daí em diante leu de gibis a ficção cientifica. Cursou Redação Publicitária em 1987, e a Oficina Literária Afrânio Coutinho, em 1992. Foi colunista do jornal “O Clarim” de Matão, São Paulo e desde 205 é cronista da revista eletrônica InfoWebNews, entre outros.
Também teve contos e crônicas publicadas nos concursos literários de Porto Seguro 2008 e 2009 e foi finalista do Concurso de Contos da Editora Guemanisse, em 2009.
Possui um blog para a divulgação do livro também que você pode conferir clicando aqui!
Cada capítulo deste livro pode ser lido isoladamente ou em sequência, como eu fiz.
Detalhe para os capítulos que se passam na loja de calçados e para a reforma ortográfica de nossa língua.
A leitura é rápida e leve, trazendo boas risadas ao longo dos momentos em que deixei o ‘Mauro’ me contar essas histórias me fazendo companhia.
Como ele mesmo diz, “a proposta é que a leitura seja divertida e leve, distraindo a mente das atribulações diárias”.
O livro pode ser adquirido direto pelo blog do autor, pelo site da editora, pelo portal da Livraria Saraiva ou ainda nas lojas da Livraria Saraiva da Rua Sete de Setembro no Centro, e no Barra Shopping.
Tenho o privilégio de estar trabalhando com o Mauro desde meados do ano passado; e ver alguém tão próximo, tão real, desenvolvendo ótimos textos como os que podemos encontrar nesse livro, me alegra profundamente.
Fico feliz por ter o privilégio de conhecer mais um incentivador da boa leitura nesse nosso país tão carente de motivações como essas. E no caso, produzindo ele próprio esses textos para nosso deleite.
 
          Boa leitura, diversão e reflexão garantida.374641_267896909940440_100001603999631_772770_1693712799_n
Recomendo a todos!

            Victor Monteiro de Assis, irmão da Envenenada Math Tonionni, também trabalha na área de Informática há quase 20 anos e adora ler em suas horas livres e no trânsito caótico do Rio de Janeiro.



13 comentários:

  1. Uma dica de leitura e ainda de um escritor nacional, gostei! O amor nunca deixa de ser um assunto muito interessante. Valeu pela dica!
    Um beijo!
    Amanda Ramos

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Confesso que não sou muito fã de literatura nacional, e também sei que isso não é nada legal para confessar, nada patriota não?! Porém, gostei muito da resenha, achei interessante e o que me encheu os olhos, foi quando você disse que é um livro que nos arranca boas risadas, eu amo livros assim.

    Perfeita a resenha ;*

    Beijiiinhos, meninas!

    ResponderExcluir
  4. Adoro histórias do cotidiano, tanto que enquanto mta gente encrenca com aqueles livros que se demoram nisso e não vão direto para a ação, eu já adoro =P

    Então acredito que esse livro seja uma boa pra mim =]

    Miquilis
    Bru

    Boa Resenhaaa=]

    ResponderExcluir
  5. Gostei da ideia do livro, confesso que nunca tinha ouvido falar do livro, mas parece muito boa e a capa eu amei ne? HAHAHA

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  6. Não faz muito o meu estilo de livro... A resenha está ótima, descreve bem o conteúdo do livro. Mas crônicas e contos não são meu forte!

    ResponderExcluir
  7. não gostei mt da capa =/
    adorei a resenha
    não é meu tipo de livro

    ResponderExcluir
  8. Que lindo a sinopse já me ganhou de primeira,a capa não está muito boa mesmo!

    ResponderExcluir
  9. Fiquri com vontade de ler! Rsrs...
    Totalmente diferente de tudo que venho lendo há meses!
    Bjs girls!!
    (saudades)

    ResponderExcluir
  10. Que lindo..
    Vai para minha listinha de livros a ler em 2012..

    ResponderExcluir
  11. Eu gosto de historias que retratam os problemas do cotidiano, desde que não sejam tipo auto-ajuda. A ideia proposta parece muito boa.

    ResponderExcluir
  12. Olá! A capa do livro está linda. Não estou acostumada a ler crônicas mas é uma oportunidade legal :D

    Beijos,

    Paula

    http://tribooks.blogspot.com

    @Tri_Books

    ResponderExcluir

Destile seu veneno, comente!

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados