4 de julho de 2012

Resenha: ‘Caminhos de Sangue’ da @Intrinseca

 
caminhos-de-sangue
 
 
 
Caminhos de Sangue
Dustlands: Livro 1

Editora: Intrínseca

Páginas: 352

Ano: 2012

Tradução: Fábio Fernandes


 
 
 
 
 
Sinopse:
“Saba passou a vida inteira na Lagoa da Prata, uma imensidão de terra desértica assolada por constantes tempestades de areia. O lugar não a incomoda, contanto que o irmão gêmeo, Lugh, esteja por perto.
Quando, porém, uma gigantesca tempestade chega trazendo quatro cavaleiros de mantos negros em seu rastro, a vida que Saba conhece chega ao fim: Lugh é raptado e ela tem que embarcar em uma perigosa jornada para resgatá-lo.
Repentinamente jogada na realidade selvagem e sem lei do mundo além da Lagoa da Prata, Saba não consegue pensar no que fazer sem Lugh para guiá-la. Por isso, talvez a maior surpresa seja o que descobre sobre si mesma: é uma lutadora incansável, uma sobrevivente feroz e uma oponente perspicaz.
Com a ajuda de um audacioso e atraente fugitivo e de uma gangue de garotas revolucionárias, Saba se torna a protagonista de um confronto que vai mudar o destino de sua civilização.
Com ritmo arrasador, ação constante e uma história de amor épica, Caminhos de Sangue é uma aventura grandiosa ambientada em um mundo futurista e violento.”
 


 
Caminhos de Sangue é um livro totalmente surpreendente.
Confesso que eu já estava cansada de ler distopias e quando peguei o livro me bateu um desanimo danado.
Mas, eu tenho um vício: histórias sobre jornadas! Pois é… eu explico!!
Sabe… quando eu percebo que os protagonistas precisam sair numa expedição para salvar alguém ou para descobrir algo inusitado ou até quando vão em busca do ‘cálice perdido’ ou coisa parecida… pronto! Me fisgou!!
Foi bem isso o que aconteceu comigo quando li a sinopse deste livro. A protagonista, coitada, perde o irmão… perde não… ele é sequestrado e ela precisa encontrá-lo… então, sai em busca dele pelo mundo afora com a cara e com a coragem… O que eu não podia imaginar, é que o livro me prendesse do início ao fim e que a jornada que tinha tudo pra ser sem graça e ‘normalzinha’ se transformasse numa super aventura cheia de percalços pelo caminho.
Saba, tem 18 anos e é gêmea de Lugh. Os dois são totalmente diferentes um do outro, mas se completam. Ela é morena e escura como a noite; e Lugh é loiro e brilhante como o sol. Eles têm um vínculo forte, coisa de gêmeo, que os une e os fortalece.
Os dois vivem em Lagoa da Prata, um lugar perdido no meio do deserto com condições realmente difíceis de se viver e ralam para sobreviver. O Pai deles é um sonhador e vive olhando para as estrelas e ‘vendo’ o futuro, o que irrita profundamente Lugh que sonha em sair deste buraco em que estão e ganhar o mundo. Emmi é a irmã caçula de 9 anos que vive em pé de guerra com Saba e é protegida por seu irmão e seu pai. No parto de Emmi, a mãe deles morreu e isso faz com que Saba culpe a irmã pela perda da mãe.
A família está vivendo uma fase realmente difícil… Não chove há séculos e a comida está acabando… mas não é a fome o que acaba por destruir a família e sim a aparição meio sobrenatural de cavaleiros negros que trazem com eles uma tempestade de areia e a morte.
Eles estão procurando especificamente por um menino nascido numa data especial e ao perceberem que Lugh é quem procuram, eles o sequestram e acabam matando o pai deles covardemente.
Assim, ao se ver sozinha com uma irmã que não suporta, Saba decide enterrar o pai… abandonar a pobreza e a desgraça e sair em sua jornada atrás da única pessoa que ama e que a completa. Ela decide encontrar seu irmão custe o que custar e trazê-lo de volta. Com ela, vão Emmi (não por vontade e aceitação de Saba) e também vai o seu fiel amigo, bichinho de estimação e companheiro Nero. Nero é um corvo altamente inteligente que rouba a cena em várias partes do livro! Ele é o máximo.
É nessa hora que o livro realmente fica bom e que ganha você!! rs
Saba, uma menina inocente, irritante, grosseira e mimada nem imagina o que esta jornada vai significar em sua vida!! É nela que Saba se transforma como garota, como irmã, como guerreira e como sonhadora!
Situações cheias de perigos e de pessoas covardes, farão com que Saba e Emmi cresçam e se unam… o que é uma das lindas mudanças que a história traz.
Saba não tem nada que a torne uma heroína, mas com o passar das páginas, nos pegamos torcendo por ela e nos apaixonamos por todos os personagens que se vinculam a Saba em sua jornada. Todos se tornam especiais e indispensáveis. Até Emmi, tão pequena e revoltada, sofre uma transformação digna de personagem principal.
E falando em paixão… a jornada traz para Saba um amor tão forte e fiel… como ela é… e como ela merece! Jack é cafajeste, mentiroso, gostoso, cativante, corajoso, encantador e  tudodibão!! rs Ele é perfeito não só para Saba, mas para Emmi e para o sucesso da jornada.
Você vai adorar esta história cheia de ação e emoção, que se passa num futuro não tão distante e que apesar de distópico… cativa e prende o leitor.
 
Curiosidades:
A Editora Intrínseca, lançará toda a série aqui no Brasil. A autora Moira Young, caprichou nesta história e o primeiro livro da série foi vencedor do Costa Children’s Book Award em 2011 e do BC Book Prizes 2012.
Caminhos de Sangue é o primeiro livro da série Dust Lands, o segundo livro intitulado Rebel Heart, tem previsão de lançamento para outubro de 2012, nos EUA.








Um post do blog da MTV Hollywood Crush foi divulgado com titulo ”melhor do que The Hunger Games”!!
E eu concordoooooooooooo!!! kakakakakaka
Não me matem!!














CorujaPequena
Outra curiosidade é a escrita de Moira Young. Ele é escrito com uma narrativa coloquial. Saba não tem cultura ou estudo e fala com muitos erros, por exemplo “comeno”, “andano”, “Tamos andano há muito tempo no deserto!”.
“Tendeu?” rs
Isso não atrapalha em nada e depois da terceira página, você se acostuma e percebe que esta narrativa faz todo o sentido quando a Saba encontra outras pessoas que são escolarizadas e falam direito.
Não tenham preconceito!
Leia e se divirta!!
Beijocas, 

16 comentários:

  1. UAU eu não dava nada por esse livro juro ... tava parecendo o Strange Angels, e eu não gostei muito não. Mas sua resenha me mostrou que é totalmente diferente do que eu pensei ... me empresta?

    ResponderExcluir
  2. Não sei se vou gostar desse livro pq não sou fã das distopias, elas me dão agonia rs...Mas acima de td eu sou um pessoa curiosa, logo eu devo ler =P Mas bem que podia voltar a mania de vampiros neh hahahahaha, é a que mais gosto junto com as fadas...quem será o próximo tema da moda?

    Boa Resenha!

    Miquilis: Bruna Costenaro

    ResponderExcluir
  3. Primeiro lugar: QUEM ESSE GATO NA CAPA DO SEGUNDO LIVRO? AUSHAUHAUSHA ok deixa pra la... Eu coloquei esse livro na listinha do meu blog, eu estava tão empolgada pra ler mas essa é a primeira resenha que eu leio dele, e fico mega feliz que seja uma resenha positiva porque isso me incentiva mais a querer ler!! OBS: Adorei também os nomes dos personagens.


    Amei a Resenha ~ Beijokas Fran Moraes

    ResponderExcluir
  4. Oie!! Acredita que eu estava com esse livro nas mãos e não comprei?! Que arrependimento. Achei mesmo que não fosse gostar, mas e minha surpresa quando li sua resenha. Melhor que Jogos Vorazes?! Preciso ler!!! rs. A única coisa que me deixa receosa é os erros de gramática (propositais). Eu tentei ler um livro que era escrito em português de Portugal e me irritei muito, até desisti do livro. Espero que eu não me sinta assim quando ler "Caminhos de sangue".
    Tenho que admitir que também adoro livros com jornadas. Aventuras são excelentes. E tem também o quesito Jack! hahaha Quero conhecê-lo!

    Beijoos

    ResponderExcluir
  5. De verdade, eu li a sinopse e não curti muito a capa, então deixei ele pra depois. Mas sua resenha me fez ficar interessada. Pelo que eu tô vendo do sucesso da série logo deve ter adaptação cinematográfica! Quero ganhar! Boa sorte meninas!

    Beeijos ;*

    ResponderExcluir
  6. Que capas, adorei, sem falar que a história me interessou.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  7. Amei a história... já está na lista.
    Bjks.

    ResponderExcluir
  8. Adorei .não li nada ainda do genero mas fiquei curiosa apos ler sua resenha,parabéns

    ResponderExcluir
  9. Tenho um pé atrás com distopias. rs
    Achei as atuais tão superficiais... (Gostei mesmo dos clássicos).

    Eu amei Hunger Games e fiquei extremamente alucinada pra ler esse livro só pq vc falou q era melhor!! =O Como pode isso?! rsrs

    Bom, eu imaginei a história bem diferente - algo com serial killer ou com um toque bem sobrenatural.

    Me senti incomodada em saber que tinha essa linguagem tão coloquial...mas como vc falou, acaba acostumando.
    Grandes expectativas pra esse livro.
    Ótima resenha

    Beeijo.

    ResponderExcluir
  10. Vou anotar o título e marcar como recomendado, mas no momento estou fora de ler séries, quem sabe no futuro e volto a dar chance para elas.

    ResponderExcluir
  11. Desde de início, parabéns pela resenha, eu não me interessava muito pelo livro também por parecer chato, repetitivo ou me faça abandoná-lo muito rápido por não gostar da história.
    Gostei muito. Em relação a linguagem, eu consigo me adaptar fácil, não é problema pra mim.
    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Não havia ouvido falar dessa série até agora, amo distopia e sem dúvidas o maior representante atual do tema é Suzanne Collins e sua trilogia dos Hunger Games (Que li e adoro!), acho que por isso que fiquei muito curioso em saber mais sobre os “Caminhos de Sangue”, acredito que esse tema seja um dos mais complicados existentes para o autor desenvolver, exatamente por ele ser responsável por apresentar um novo mundo, futurístico, porém baseado em um passado comum e “aparentemente” conhecido. Espero poder ler em breve, ótima resenha!

    @HPJulioCesar

    ResponderExcluir
  13. Eu ouvi sobre ela no evento da intrínseca aqui em Fortaleza, e me apaixonei!
    Esta história com certeza promete,neste tema distópico melhor ainda né ?! ^^
    Essas histórias sobre esses mundos e sociedades diferentes me deixam muito curiosa e depois dessa resenha ele vai pra minha listinha! ><

    ResponderExcluir
  14. Nossa que tudo essa resenha! Eu ja tinha ouvido falar desse livro logo que lançou e apesar de amar distopia as pessoas ainda estavam naquela aonda de jogos vorazes , que me perdoem quem gosta eu não curti muito, então nem sequer li a sinopse. mas ele parece tudo de bom, uma personagem que em que largar tudo que conhece, sair do conhecido e confortavel, para resgatar alguem que ama e durante a jornada se transforma parece o meu tipo de livro e a descrição de Jake? "Jack é cafajeste, mentiroso, gostoso, cativante, corajoso, encantador e tudodibão!! " Ja me apaixonei por ele (é eu tenho uma queda por meninos que tem uma pinta de badboy)amei a resenha agora sim deu vontade de ler o livro.

    ResponderExcluir
  15. ahhh eu estou louca para ler este livro...só tenho ouvido coisas boas sobre ele! Parabéns pela resenha amiga...tenho certeza que fez jus ao livro e eu também vou me apaixonar por ele.

    ResponderExcluir
  16. Nunca tinha visto falar neste livro, mas a sua resenha conseguiu me envolver profundamente!! Sou viciada em romances e depois que vc disse que a jornada traz para Saba um amor fiel e merecedor dela, foi o ponto chave que faltava para me fazer ficar desesperada por esta leitura!! Quero meu exemplar urgente!! Adorei a resenha ;)

    Xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Destile seu veneno, comente!

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados